autoridade na área da saúde

Como virar uma autoridade na área da saúde utilizando o marketing digital?

Ser respeitado, requisitado e valorizado é o sonho de qualquer profissional. Ser considerado entre os primeiros na lista de uma determinada especialidade é o que se determina como “autoridade na área da saúde”.

Desde muito cedo, aprendemos a respeitar e a confiar em pessoas que de alguma forma demonstram ter conhecimento, competência e comprometimento, como é o caso de pais, professores, médicos, policiais etc.

Ter autoridade acarreta responsabilidades, mas também vantagens como: credibilidade, respeito, recomendações, oportunidades de crescimento e uma satisfação pessoal indescritível.

Qualquer profissional da área da saúde pode desenvolver sua autoridade na internet?

Para conquistar autoridade, o profissional, antes de tudo, precisa ter competência, conhecimento e estar preparado e capacitado para desenvolver uma função. Não basta desenvolver uma marca apenas com visibilidade, é preciso ter conteúdo, as pessoas precisam reconhecer em você algo diferente e que traga valor para a vida delas. Por isso o profissional precisa estar preparado para se expor na internet.

A ideia por trás da autoridade digital é transformar profissionais competentes e que estão num mercado muito competitivo em profissionais mais valiosos.

Ficar mais conhecido, ser requisitado e fazer sua hora valer mais. Chamar a atenção para você e destacá-lo diante dos concorrentes.

A concorrência no mercado de saúde, assim como em todos os segmentos, tem se mostrado grande. Atualmente, há mais de 290 escolas médicas no Brasil, com potencial de formar quase 30 mil profissionais por ano. A estimativa é que em 2020 o Brasil terá quase meio milhão de médicos.

Como um médico pode desenvolver sua autoridade digital?

1 – Escolha um nicho para se destacar

A primeira coisa a fazer é definir um nicho. Como na internet você vai encontrar muitos profissionais competentes, e muito conteúdo disponível, vai ter que escolher um segmento específico, isto é, um grupo de pessoas para você conversar.

Falar sobre tudo na internet é impossível, você não tem como atrair todas as pessoas. Por isso, focar a comunicação fará você ter resultados mais rápidos e consistentes.

Vou dar um exemplo.

Digamos que você seja um profissional formado em endocrinologia.
Entre as doenças mais comuns tratadas pelo endocrinologista, podemos citar: diabetes, obesidade, osteoporose, hirsutismo, andropausa, distúrbios da puberdade, distúrbios menstruais, doenças que afetam o crescimento, doenças da hipófise, da tireoide e da glândula suprarrenal.

Trazer para sua comunicação todos os conteúdos sobre doenças e tratamentos de que sua especialidade trata vai ser muito difícil. Você vai ficar superficial, pois não vai conseguir abordar com profundidade nenhum tema. A ideia aqui é escolher. Isso não quer dizer que você vai perder, pelo contrário, quanto mais especializado, mais chances de se diferenciar e se destacar.

Vamos ao exemplo:

autoridade na área da saúde

Este médico é especialista em endocrinologia e escolheu o tema “Diabetes” para se destacar. Ele tem em seu perfil no Instagram com mais de 27 mil seguidores. Seu perfil no YouTube tem mais de 118 mil inscritos. Já foi convidado para palestrar e dar entrevistas em muitos veículos de comunicação e hoje é referência no assunto no Brasil. Grande parte do seu conteúdo aborda o tema, ainda que ele atenda outros casos também.

2 – Estude e pesquise sua persona

Persona é um termo para descrever em detalhes o seu possível paciente. Além de suas características físicas e demográficas, você deve estudar seus costumes, desejos, dificuldades, sonhos e aspirações. São informações preciosas para que você possa estruturar seu conteúdo.

Ainda usando o exemplo do endocrinologista, o médico criou um infoproduto, isto é, um curso online. Intitulado “Programa Diabetes Controlada”, é uma série de treinamentos disponibilizados pela internet com dicas de alimentação e estilo de vida para controlar o diabetes. Veja aqui

autoridade na área da saúde

Isso só foi possível porque ele estudou a fundo a sua persona. Quem tem problemas com diabetes, provavelmente já ouviu falar no Dr. Rocha.

3 – Crie uma estratégia de comunicação

Escolha os canais e os formatos que vai utilizar: site, redes sociais, vídeos, palestras, lives, postagens, anúncios patrocinados etc.

As redes sociais, principalmente Facebook e Instagram, têm se mostrado eficazes para expor e divulgar o trabalho dos médicos. De uma forma planejada e estruturada, o médico pode fazer uso dos inúmeros recursos disponíveis nessas plataformas para informar a sociedade sobre temas relacionadas a saúde, qualidade de vida e bem-estar.

Quase 80% dos usuários de redes sociais classificam os conteúdos audiovisuais como os seus preferidos. Por isso, utilizar os recursos de vídeos em formato streaming (lives) ou gravados pode proporcionar ao profissional uma oportunidade de se aproximar dos seus seguidores (mostrando suas competências, trazendo mais credibilidade e conquistando a confiança).

4 – Monte um plano editorial

O que, como e quando serão feitas as publicações? É importante você ter essa organização e até usar aplicativos e ferramentas para ajudar, senão pode correr o risco de abandoná-las por conta do fluxo de trabalho.

As ideias de conteúdo são inúmeras: responder dúvidas sobre sintomas e prevenção de algumas doenças, explicar sobre os possíveis tratamentos e exames, dar dicas de saúde e de autocuidado, mostrar atualidades sobre pesquisas, participação em congressos e cursos de atualização, sempre tendo em mente a ideia de esclarecimento e educação da sociedade (evitando estimular o sensacionalismo).

Faça no mínimo um texto por semana para o seu blog e procure postar todos os dias nas redes sociais. Tenha disciplina e persistência, autoridade não se conquista da noite para o dia.

5 – Cuide da sua imagem

Assim como as roupas influenciam na percepção que os outros têm de nós, o design do seu site e das postagens também é importante para prender a atenção da audiência e passar a imagem adequada para o seu público.

Não basta apenas fazer um excelente conteúdo: a maneira como esse conteúdo é apresentado faz toda a diferença.

6 – Princípios e ética

Quando você ganha autoridade, acaba se tornando um líder. Isso significa que você terá grande poder, mas também grande responsabilidade.

Lembre-se: a autoridade pode (e deve) ser utilizada para produzir admiração, confiança e respeito entre você e a sua audiência. Por isso, seja coerente e tenha bom senso nas publicações para não prejudicar sua imagem.

Com todas essas dicas de como construir autoridade na área da saúde, está na hora de colocar em prática. Comece agora mesmo e transforme-se em um profissional valorizado e requisitado no mercado.

Saiba mais sobre o marketing médico, baixe o ebook Marketing Digital para profissionais de saúde.

Guia - marketing digital para medicos

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer entrar na discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *